domingo, 14 de setembro de 2014

A mesma receita usada no Bessa

Já no Bessa foi anulado um golo à equipa da casa de forma a embalar o visitante para a vitória.

Mas não foi só em Setúbal que se viu o longo braço da agremiação corrupta.
Também em Guimarães marcaram a sua presença.
(o fiscal de linha que segurou o empate)

13 comentários:

Anónimo disse...

http://www.reflexaoportista.pt/2014/09/os-homens-de-vermelho.html

grande texto

Anónimo disse...

Fulminante
Passava ontem os olhos por O Jogo e reparei na referência à última derrota portista em Guimarães para o campeonato: 2001-2002. Luz no sótão: foi ainda em 2001, era o ano do Octávio e a coisa correu mal. O 2-0 final, lembrado na evocação que não é notícia por não ter factos nem contexto, está registado. Puxando o fio à meada, de memória, lembro-me do árbitro desse jogo, creio que omitido na notícia: Paulo Baptista. O mesmo de hoje.

Ora, Paulo Baptista ficou-me na memória porquê? Adivinharam!

Há um golo que não contou porque o árbitro e os auxiliares não viram, mas a bola esteve bem dentro da baliza e dava 1-1, na sequência de um canto, já não sei bem se um canto directo do Deco ou do Cleyton ou um desvio de um dos dois ao primeiro poste com um central vitoriano a tirar a bola bem para lá, mas muito bem para lá, da linha de baliza.

Só para pôr os pontos nos ii. A memória pode ser curta para alguns e omissa para a maioria. Sejam jornaleiros que não lembram o que comeram ontem ou os arquivos, os comunicadores e os informadores dos diversos me(r)dia que o FC Porto tem operacionais, agora com um director de conteúdos acima dos outros directores de "semteúdos".

Fica registado e vamos ver como corre logo.

Anónimo disse...

o canto directo em Guimarães foi do Deco.

o do Clayton foi no antigo pardieiro em Abril de 2000.

Anónimo disse...

Nos últimos 7 campeonatos, este foi o 14 jogo do F.C. Porto que Paulo Baptista arbitrou, sendo que até ao jogo de hoje este arbitro ainda não tinha tomado nenhuma decisão arbitral desfavorável ao F.C. Porto (nunca tinha assinalado nenhum penalti ou expulsão desfavorável ao F.C. Porto).

" Hoje aconteceu um feito histórico, este arbitro que nos 14 jogos dirigidos do F.C. Porto, após ter assinalado 4 penaltis e 5 expulsões a favor do F.C. Porto, finalmente Paulo Baptista teve a sua primeira decisão arbitral relevante desfavorável ao F.C. Porto, pode-se dizer que nos 1.260 minutos dirigidos, continua sem ter vislumbrado nenhuma situação passível de expulsão de um jogador portista, mas finalmente descortinou uma falta cometida dentro de área do F.C. Porto." ...

Queres mais alguma informação ou chega-te esta?

PALHAÇO ! ! !

Anónimo disse...

Para além dos penalties que ficaram por assinalar a favor do FC Porto, do golo anulado, dos foras-de-jogo "cirúrgicos" e dos ridículos 3 minutos de descontos na 2ª parte, esqueci-me de referir outro "pormenor".

Durante a transmissão televisiva, por volta dos 15 minutos, surgiu uma estatística interessante acerca das faltas assinaladas pelo senhor Paulo Baptista:
V. Guimarães: 2 faltas
FC Porto: 11 faltas

A carreira vitoriosa deste novo FC Porto (que está a assustar muita gente) tinha de ser travada em Guimarães e, para isso, a "quadrilha" vestida de vermelho recorreu ao cardápio completo.

Anónimo disse...

em 2001 (salvo erro) noutro jogo no mesmo cenário. Na altura saimos derrotados e a estrela dacompanhia foi justamente Paulo Batista. Passaram-se 13 anos e a personagem continua a apitar entre casos mais ou menos descarados de apoio ao clube do regime. Esta capacidade manteve-o onde está porque todos sabemos que tecnicamente é miseravel. O problema é que no silencio corrupto dos média o Benfica conseguiu nos ultimos anos um exército de fieis na arbitragem. Ficou o Batista e o Paixao e uniram-se o Duarte Gomes (excelente exemplar), o Capela, o Rui Silva, o enorme Manuel Mota (que adora ver penaltis vermelhos) e outros que agora não me ocorrem. Hoje as nomeações são faceis para os corruptos da luz porque com o silencio do nosso clube e a simpatia dos média foram sendo selecionados os amigos que interessam. O Bruno Paixão é o expoente, o homem mete agua em todos os jogos mas salva-se sempre e já ouvimos alguém criticar...No jogo de hoje sinceramente acho que Jackson erra e faz penalti, acho que a mão dentro da area do vitória é involuntária pelo que os erros graves para mim foram o penalti sobre o Brahimi na primeira parte e o golo mal anulado. Mas estou de acordo que o pior foi a postura do arbitro, que desde o principio apitou cada contacto contra o Porto, premiou as fitas e o teatro do adversário e fechou os olhos ao anti-jogo. Que alguém tenha a paciencia de contar o tempo perdido na segunda parte pelo guarda-redes do vitória com toda a impunidade. Os três minutos que deu de desontonto foi a cereja no topo do bolo. E depois de tudo isto onde andam os nossos dirigentes. Só eles podem denunciar, só eles podem pressionar porque nos média só ha ratos, e certamente virá o habtiual: o arbtiro é um homen, engana-se como todos, temos que o defender, tem familia, tem filhos....Acabo com umas palavras para os jornaleiros da sporttv: uns vómitos, tenho VERGONHA de assinar o canal e pagar a este bando de corruptos mas infelizmente adoro futebol, adoro o meu Porto e tenho uma vida que me impede ver os jogos fora.

Anónimo disse...

olha agora tem moderação? já sei que não publicam este coment, mas é mesmo para vos dizer que são uns cobardes, esta é uma boa maneira de não lerem certas verdades que não vos convém.
cobardes
cobardes
cobardes
cobardes
cobardes
cobardes

O Anti Lampião disse...

só pelo facto inusitado de não conter ordinarices claro que publicamos

Miguel Lima disse...



finalmente!

obrigado! pela "limpeza" e pelo ar (bem) mais respirável.
só enobrece e engrandece este espaço, que nunca se poderia confundir com outros espaços "antis" afectos aos lampiões de serviço.

abr@ços
Miguel | Tomo II

Anónimo disse...

"A carreira vitoriosa deste novo FC Porto (que está a assustar muita gente) tinha de ser travada em Guimarães e, para isso, a "quadrilha" vestida de vermelho recorreu ao cardápio completo.

Desculpa lá, mas estamos a assustar quem? Não me parece estejamos a jogar assim tanto para afirmares isso...

Anónimo disse...

lol grandes "verdades" que temos que ler.
aturar aqui um demente saído do esgoto do "anti-tripa" a chamar porcos e paneleiros a todos.

o AntiLamp fez muito bem em instituir a moderação. compreendo-o bem.
é surreal chegar aqui e ter que ler 30 comentários seguidos do mesmo psicopata (que todos sabemos quem é), só com insultos básicos repetitivos e muitos deles em maiúsculas.

há limites.

Anónimo disse...

Engraçado que não vi por aqui qualquer indignação aquando do jogo do vosso clube com o Paços, principalmente à agressão do Martins Indi.

Anónimo disse...

só mesmo vocês para lhe chamarem "agressão" sem se rirem.
será que são essas as "verdades" que nós não queremos ler?

falem do golo anulado ao Setúbal, com apenas 0-1 no marcador. esse sim, bem real.

e já agora, quem vem aqui chamar "cobardes" aos outros, por causa da moderação...será que no antro "anti-tripa", comentários de adeptos de outros clubes são publicados?
lá nem sequer há moderação, é pura e simplesmente censura total e acabou.
e isto já há anos e anos a fio.